Seguro poderia reduzir prejuízo de motorista que teve carro submerso

11/12/2019 / FONTE: CQCS | Carla Boaventura

carro-buraco

Uma matéria do G1, veiculada no último dia 05 de dezembro, conta que um motorista, David Aryel Soares Aguiar, sofreu um acidente, em Montes Claros, no Norte de Minas. O veículo acabou com metade submerso dentro do buraco, entretanto, mas com um agravante: o carro não tinha seguro.

Em conversa com o CQCS, Dorival Alves, vice-presidente da Fenacor, explicou que, caso David tivesse seguro, a situação seria outra. “Desde que o lugar em que ele estivesse transitando fosse uma rodovia ou estrada, propícias para isso, haveria cobertura normal. Esse tipo de situação está contemplada pela apólice de automóvel, desde que haja cobertura compreensiva para colisão, incêndio e roubo”.

Por outro lado, há outra situação: o possível responsável pela “existência” do buraco, que causou o acidente é o estado ou do governo federal, sendo assim, outra medida poderia ser tomada. “A seguradora teria o direito de ajuizar uma ação de regresso diante do prejuízo da indenização que ela teria que pagar, contra o estado ou contra a união”, explica.

Foto: David Aryel Soares Aguiar/ Arquivo pessoal

_______________________________________________________________________________   

Participe do Bom Dia Seguro, o maior grupo no WhatsAPP exclusivo para Profissionais de Seguros de todo Brasil.

Realize o seu cadastro através do link e venha compartilhar conhecimento: https://www.cqcs.com.br/cadastre-se/

Caso você já seja cadastrado no CQCS, envie um Fale Conosco solicitando participar do grupo. Link: https://www.cqcs.com.br/fale-conosco/

Tags: , ,

1. Você precisa ser cadastrado para enviar o seu comentário. Se ainda não fez o seu cadastro, por favor, clique aqui. Um e-mail será enviado para a sua caixa postal, fornecendo sua senha.

Esqueceu sua senha?

Preencha o campo abaixo com o mesmo endereço de e-mail que você usou para fazer o seu cadastro e enviaremos uma nova senha para a sua caixa postal: