Revista de Seguros: Brasil busca reinserção no mapa do comércio mundial

02/01/2020 / FONTE: CNseg

unnamed (1)

Edição traz entrevista exclusiva com Marcos Troyjo, Secretário Especial de Comércio Exterior e Assuntos Internacionais do Ministério da Economia

O protagonismo do comércio exterior, que poderá responder por 30% do PIB brasileiro até 2022, é a reportagem de capa da nova edição da Revista de Seguros, já disponível no portal da CNseg. Em entrevista exclusiva, o economista Marcos Troyjo, um dos sete Secretários Especiais do Ministro Paulo Guedes, que cuida da área de Comércio Exterior e Assuntos Internacionais, detalha ações estruturais que defende para tornar os assuntos um elemento estratégico para o crescimento sustentável do País. Durante a entrevista ele também aborda o futuro do Mercosul, o comércio com os EUA e a manutenção da parceria com a China, todas elas medidas indispensáveis para assegurar nossa maior inserção internacional.

A Revista de Seguros mostra ainda a emigração de milhares de brasileiros para outros países. Nos últimos oito anos, esse número quase quadruplicou. Segundo a Receita Federal, com base na declaração de saída definitiva — um documento entregue pelo contribuinte ao emigrar —, em 2011 foram 8.170 declarantes. No ano passado, esse número chegou a 22.538 e, até julho deste ano, já alcançava 21.873 declarações. Possivelmente, 2019 vai bater novo recorde da série histórica.

E os drones? A frota brasileira desses dispositivos aéreos mais que dobrou desde 2017. De norte a sul do Brasil, mais de 77 mil dessas pequenas aeronaves estão registradas na Agência Nacional de Aviação Civil (Anac): 28 mil de uso profissional e 49 mil de utilização recreativa, no aeromodelismo. Nos últimos 12 meses, cerca de dois mil novos aparelhos foram cadastrados mensalmente. Em outubro deste ano, 59 mil pessoas físicas e 4,2 mil empresas tinham drones oficializados perante a Anac. Mercado promissor para o seguro.

Entre as reportagens setoriais, atenção deve ser dada ao suplemento especial que repercute os momentos mais relevantes da Conseguro 2019 – o maior evento do setor segurador brasileiro. Atenção também à contagem regressiva para a vigência da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), de grande repercussão para todas as atividades securitárias. Em razão disso, a CNseg decidiu publicar um guia inédito para ajudar o mercado a cumprir as exigências dessa nova legislação, já disponível no portal da Confederação.

Uma reportagem sobre incêndio mostra que, sem exagero, preparar-se sempre para o pior é a melhor forma de proteção e o caminho para limitar as perdas. E confira a estreia da série Fides- conjunto de matérias sobre a conjuntura de cada país integrante da Federación Interamericana de Empresas de Seguros. O mercado argentino de seguros abre a série especial da Revista de Seguros.

Nesta edição, também são abordados os benefícios da chamada Medida Provisória do Contribuinte Legal, que deve favorecer 1,9 milhão de devedores inscritos na dívida ativa e com débitos acima de R$ 1,4 trilhão com a União.

Sobre a CNseg

A Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais, Previdência Privada e Vida, Saúde Suplementar e Capitalização (CNseg) congrega as empresas que compõem o setor, reunidas em suas quatro Federações (FenSeg, FenaPrevi, FenaSaúde e FenaCap). A missão primordial da CNseg é congregar as lideranças das Associadas, elaborar o planejamento estratégico do setor, colaborar para o aperfeiçoamento da regulação governamental, coordenar ações institucionais de debates, divulgação e educação securitária e representar as Associadas perante as autoridades públicas e entidades nacionais e internacionais do mercado de seguros.

Tags:

1. Você precisa ser cadastrado para enviar o seu comentário. Se ainda não fez o seu cadastro, por favor, clique aqui. Um e-mail será enviado para a sua caixa postal, fornecendo sua senha.

Esqueceu sua senha?

Preencha o campo abaixo com o mesmo endereço de e-mail que você usou para fazer o seu cadastro e enviaremos uma nova senha para a sua caixa postal: