Notícias | 25 de outubro de 2005 | Fonte: Seguros.com.br

Receita teve crescimento real de 2,7% até agosto

Pesquisa realizada pela Fenaseg, com base em dados oficiais da Susep e da ANS, Agência Nacional de Saúde Suplementar, indica que, em termos reais – ou seja, já descontada a inflação acumulada no período – a receita de prêmios apurada de janeiro a agosto deste ano, de cerca de R$ 31,9 bilhões, foi apenas 2,7% maior que o montante apurado no mesmo período, em 2004. Os técnicos da federação utilizaram o IGPM, calculado pela FGV, a Fundação Getúlio Vargas, para atualizar os valores comparados.

O mesmo estudo revela que o ramo vida gerou o correspondente a 33,9% do faturamento global do setor nos oito primeiros meses deste ano, enquanto o seguro de automóveis contribuiu com 24,6% e o ramo saúde, com 17,2%.

Ainda de acordo com a Fenaseg, os sinistros retidos até agosto somaram R$ 14,2 bilhões, o que representa um crescimento real de 2,8% em comparação ao volume registrado nos oito primeiros meses do ano passado.

FAÇA UM COMENTÁRIO

Esta é uma área exclusiva para membros da comunidade

Faça login para interagir ou crie agora sua conta e faça parte.

FAÇA PARTE AGORA FAZER LOGIN