Notícias | 30 de outubro de 2020 | Fonte: CQCS

O maior site de compras do Brasil investe na venda de seguros

Após consolidar sua imagem de plataforma que permite ao internauta anunciar, comprar, pagar e vender produtos e serviços pela internet, o Mercado Livre investe forte, agora, na comercialização de seguros, através de parcerias com empresas do setor.

No caso do acordo firmado com a Thinkseg e a Generali, para a venda de seguro auto Pay Per Use por meio do Mercado Livre, já está prevista, inclusive, a ampliação das vendas para outros tipos de coberturas. “No contrato assinado com o Mercado Livre, a Thinkseg e Generali têm exclusividade na venda do seguro automóvel Pay Per Use. Começamos com este seguro auto para, depois, explorar outros produtos”, afirma o CEO da Thinkseg, Andre Gregori em comunicado ao mercado nesta quinta-feira, 29. 

Ele acrescenta que o valor mensal do Pay Per Use, para carros básicos, começa a partir de R$ 25,00, garantindo cobertura para acidentes, furto e roubo. O dono do veículo paga a mensalidade fixa, somada aos centavos por cada quilômetro rodado.

Gregori explica ainda que o acordo com o Mercado Livre aumentará o acesso dos brasileiros ao seguro automóvel inovador no Brasil, em que a pessoa paga pelo que usa, ou seja, pelos quilômetros que rodou para ter cobertura completa do seguro do carro.

CELULAR. 

O Mercado Livre também firmou acordo com a Pitzi, startup de seguro de celulares. Segundo reportagem publicado na portal Terra, a comercialização de planos de proteção para smartphones, pelo site do e-commerce, visa a oferecer formas mais acessíveis para que a popularidade do serviço cresça entre os brasileiros.

De acordo com a notícia, a iniciativa surgiu durante a pandemia, quando o celular passou a ser percebido como um dos principais bens pessoais utilizados pelo brasileiro. Com a ajuda do Mercado Livre, o fundador da Pitzi, Daniel Hatkoff, desenvolveu uma forma de garantir mais segurança para manter o celular em uso por mais tempo.”A gente começou a desenvolver um produto que poderia garantir que todos os clientes do Mercado Livre, que estavam comprando pelo celular, pudessem ter seu aparelho protegido. Construímos um produto totalmente digital, com experiência integrada. É uma iniciativa muito grande para o mercado de tecnologia de seguro e de e-commerce”, afirma Hatkoff.

Os valores dependem do plano e do modelo do celular do usuário mas, em média, o seguro pode custar entre R$ 15,00 e R$ 80,00 por mês.

O pagamento é feito pelo Mercado Pago, plataforma financeira do Mercado Livre.

De acordo com Hatkoff, a expectativa é que, em cinco anos, 95% da população brasileira com celular tenha contratado um serviço de seguro para o aparelho celular. Hoje, esse percentual é de apenas 16%.

______________________________________________________________________________________

Participe do Bom Dia Seguro, o maior grupo no WhatsAPP exclusivo para Profissionais de Seguros de todo Brasil.

Realize o seu cadastro através do link e venha compartilhar conhecimento: https://www.cqcs.com.br/cadastre-se/Caso você já seja cadastrado no CQCS, envie um Fale Conosco solicitando participar do grupo. Link: https://www.cqcs.com.br/fale-conosco/

FAÇA UM COMENTÁRIO

Esta é uma área exclusiva para membros da comunidade

Faça login para interagir ou crie agora sua conta e faça parte.

FAÇA PARTE AGORA FAZER LOGIN