Notícias | 1 de agosto de 2003 | Fonte: Seguros.com.br

Mercado projeta crescer o dobro do PIB

Com o pé no acelerador, o diretor de Automóveis da Marítima Seguros, José Carlos de Oliveira traça uma perspectiva positiva para o ramo de seguros de automóveis no Brasil. Oliveira informa que o mercado brasileiro de seguros deve crescer 4% em 2003, ou seja, o dobro da previsão para o PIB nacional, que, quando muito otimista, não passará de 2%. Dentro deste mercado, o executivo prevê um crescimento de 10% em relação a 2002 na carteira de automóveis, o carro-chefe do setor. De acordo com dados da Susep, esse ramo deve arrecadar R$ 8,9 bilhões em 2003. Na prática, a arrecadação de prêmios da área de automóveis vem aumentando ao longo do tempo: foram R$ 3,53 bilhões em 1995 e R$ 8,18 bilhões em 2002. Dois fatores, na opinião de Oliveira, deverão impulsionar o segmento, a ativa participação do corretor de seguros e a corrida entre as companhias por oferecer a maior gama possível de benefícios e serviços aos clientes.

FAÇA UM COMENTÁRIO

Esta é uma área exclusiva para membros da comunidade

Faça login para interagir ou crie agora sua conta e faça parte.

FAÇA PARTE AGORA FAZER LOGIN