Notícias | 27 de maio de 2004 | Fonte: Fenaseg

Leoncio de Arruda propõe campanha para difundir a cultura do seguro

Fazer campanha para difundir a cultura do seguro, lutar contra o achatamento das comissões pagas aos corretores, combater a venda de seguros pelas concessionárias e montadoras, criar mecanismos para a capacitação profissional dos corretores, fortalecer a imagem do corretor de seguro, e lutar pela implementação do Artigo 192, são algumas das propostas que fazem parte da plataforma do novo presidente do Sindicato dos Corretores de Seguros no Estado de São Paulo (Sincor-SP), Leoncio de Arruda. Leôncio tomou posse nesta última quarta-feira, 26, em cerimônia realizada no Theatro Municipal, e que contou com a presença de autoridades governamentais, empresários do setor, corretores de seguros e a imprensa. O mestre de cerimônia foi Cid Moreira. Ao passar o mandato, o ex-presidente, João Leopoldo Bracco de Lima, recordou as realizações de seis anos de gestão, como a diminuição do ISS de 5% para 2% no município de São Paulo, entre outras. Cláudio Lembo, governador em exercício, em seu discurso, disse que há interesse do governo em apoiar o setor de seguros. Já o presidente da Fenacor (Federação Nacional dos Corretores de Seguros), Armando Vergílio, falou sobre a importância do Sincor-SP para o mercado segurador brasileiro, lembrando que o estado representa 39,8% da força na corretagem de seguros, reafirmando também seu apoio à Cooperativa de Crédito. Leoncio inicia seu terceiro mandato num momento de desafios para a classe. Ano passado, muitas corretoras de seguros fecharam as portas diante da dificuldade em sobreviver à altas cargas tributária e ao desemprego.

FAÇA UM COMENTÁRIO

Esta é uma área exclusiva para membros da comunidade

Faça login para interagir ou crie agora sua conta e faça parte.

FAÇA PARTE AGORA FAZER LOGIN