Invalidez é o segundo maior motivo de indenizações nos seguros de vida individuais

20/02/2019 / FONTE: Revista Cobertura

invalidez

Dados da BB Seguros chamam a atenção para a importância da proteção conferida por uma apólice

São Paulo, 20 de fevereiro de 2019 – O seguro de vida é um grande apoio às famílias e dependentes nos casos de falecimento do segurado, mas também é um importante apoio financeiro em vida nos casos de invalidez.

Segundo levantamento da BB Seguros, a partir dos avisos de sinistros de sua base de clientes, depois de morte, invalidez permanente por acidente é o segundo maior motivo de indenizações pagas pela seguradora.

“O dado revela a importância de contar com o seguro de vida. Mesmo quem não possui dependentes, encontra na apólice de seguro de vida o apoio financeiro para se restabelecer diante de situações que o impeçam de seguir a rotina, como a necessidade de deixar de realizar a atividade habitual de obtenção de renda, por exemplo”, explica Karina Massimoto, superintendente de Vida da Brasilseg, uma empresa BB Seguros.

O direito à indenização por invalidez permanente por acidente ocorre nas situações de perda ou redução de mobilidade ou funcionalidade de membros ou órgãos do corpo em razão de lesões físicas, de acordo com os valores estabelecidos no contrato. Esta cobertura faz parte das coberturas básicas das apólices dos produtos BB Seguro Vida Completo, BB Seguro Vida Estilo e BB Seguro Vida Mulher Mais, que também contemplam indenização por Morte Natural ou Acidental, Auxílio-Funeral (AF), Diárias de Internação Hospitalar por Acidente (DIH-A) e Acessibilidade Física em caso de Invalidez Permanente por Acidente.

“Muita gente se questiona se deveria contratar um seguro de vida. Ele é importante para todas as pessoas, partindo do princípio de que todos estamos sujeitos a sofrer algum tipo de acidente ou imprevisto e precisaremos de recursos financeiros extras, tanto para gastos não previstos como para administrar o orçamento da casa pelo período em que for necessário interromper suas atividades”, explica Massimoto.

Vale ressaltar que o seguro ainda conta com a cobertura de acessibilidade física em caso de invalidez superior a 50%. Nesses casos, o valor de indenização pode ser utilizado para a realização de tratamentos, com médicos especializados, por exemplo, ou para a realização de modificações na casa, no carro ou no dia-a-dia que permitam ou facilitem a mobilidade e tragam maior qualidade de vida ao segurado.

A indenização também pode ser utilizada para a compra de equipamentos (cadeira de rodas, próteses) quando necessárias.

A contratação desses produtos pode ser feita via aplicativo do Banco do Brasil, internet banking e agências bancárias.

Tags:

1. Você precisa ser cadastrado para enviar o seu comentário. Se ainda não fez o seu cadastro, por favor, clique aqui. Um e-mail será enviado para a sua caixa postal, fornecendo sua senha.

Esqueceu sua senha?

Preencha o campo abaixo com o mesmo endereço de e-mail que você usou para fazer o seu cadastro e enviaremos uma nova senha para a sua caixa postal: