Notícias | 17 de setembro de 2020 | Fonte: CQCS

Executiva da SulAmérica fala sobre Gestão de Riscos no novo normal

Nesta quarta-feira, dia 16/09, Glaucia Carvalho, superintendente de riscos da SulAmérica, participou do Insurance Summit Brazil 2020. Glaucia falou sobre a gestão de riscos no “novo normal”.

A executiva destacou como o tema é tratado na SulAmérica. “Escolhemos o modelo de 3 linhas de defesa em que segmentamos a empresa em 3 grandes grupos. Temos comitês onde os papéis são bem definidos, documentos internos e uma série de comportamentos”, explicou.

Ela disse que os riscos são identificados, quantificados, respondidos e monitorados. “O apetite de risco se refere a quanto de risco uma organização está disposta a correr para atingir seus objetivos e é definido pelo conselho de administração”, pontuou.

Gláucia afirmou ainda ser importante que toda a organização participe e para que isso aconteça é preciso trabalhar a cultura de riscos. “Temos uma série de vídeos dos executivos em que a importância do tema é transmitida aos colaboradores. Isso é importante porque as pessoas precisam entender disso na companhia”.

Ela ressaltou que o grande desafio da pandemia foi colocar a empresa de pé, mas que o plano da retomada não é um  processo simples. “O protocolo de retomada é complexo. É preciso respeitar uma série de protocolos e questões de como seguir, são relevantes”, destacou. 

A superintendente da Sulamérica disse ainda que já  vivem em um modelo diferente do que havia em março com grandes transformações. Ela citou a normalidade com o home office e a mudança nas relações de trabalho. “Se o processo muda, a gestão de risco também precisa mudar e as coisas estão mudando muito rápido”, enfatizou.

Ela disse que tem sido feito um monitoramento constante e destacou a agilidade nos processos para conseguir seguir o que está mudando. 

No fim da apresentação, Gláucia listou os riscos que  são importantes e pedem atenção: 

Riscos operacionais: relacionados à segurança da informação, impacto tecnológico do home office e gestão de processos á distância, fraudes

Riscos de mercado: Queda de vendas, cancelamentos, mudanças de padrões de utilização, queda da taxa de juros, aumento do desemprego, volatilidade dos preços dos ativos, 

Riscos legais: novos normativos, entendimentos legislativo e judiciário dinâmico

Riscos de crédito: aumento da inadimplência e provisionamento de devedores duvidosos

Para ela, entre as lições que a pandemia deixa, estão a importância de estar perto dos comitês e da alta administração. “A agilidade na gestão de riscos é fundamental”, destacou. 

__________________________________________________________________________________________________________________

Participe do Bom Dia Seguro, o maior grupo no WhatsAPP exclusivo para Profissionais de Seguros de todo Brasil.

Realize o seu cadastro através do link e venha compartilhar conhecimento: https://www.cqcs.com.br/cadastre-se/

Caso você já seja cadastrado no CQCS, envie um Fale Conosco solicitando participar do grupo. Link: https://www.cqcs.com.br/fale-conosco/

FAÇA UM COMENTÁRIO

Esta é uma área exclusiva para membros da comunidade

Faça login para interagir ou crie agora sua conta e faça parte.

FAÇA PARTE AGORA FAZER LOGIN