Diretor e mais oito são presos suspeitos de desviar R$ 1 milhão em golpe do seguro

01/08/2019 / FONTE: CQCS | Carla Boaventura

48962030-prisao-nigeria

Matéria publicada G1 informa que o diretor do Instituto Médico-Legal (IML) de Umuarama, no noroeste do Paraná, Castelar Paulino Rodrigues, e mais oito pessoas foram presos, na manhã desta terça, 30. O grupo é suspeito de fraudar pelo menos 365 laudos de indenizações do Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre (DPVAT).

Segundo a matéria, além do diretor, também foram presos o ex-médico legista Everaldo Baptista de Azevedo e uma funcionária do IML. Também foram encaminhados à justiça um casal e outras três pessoas de uma empresa de assessoria que dá entrada no segundo DPVAT e um auxiliar administrativo do Hospital Nossa Senhora Aparecida. Ao todo, o esquema teria o equivalente a R$ 1 milhão na cidade, segundo a Polícia Civil, que deflagrou a operação.

Como funcionava o esquema

O grupo agia fraudando os prontuários médicos e laudos periciais com o objetivo de possibilitar o pagamento indevido do seguro. Do total de indenizações averiguadas, 82 eram idênticas e possibilitaram o início das investigações, segundo a polícia.

A quadrilha também adulterava laudos emitidos pelo IML referente a lesões corporais causadas em acidentes de carro, segundo as investigações. Além disso, de acordo com a investigação, a quadrilha também adulterava laudos emitidos pelo IML referente a lesões corporais causadas em acidentes de carro.

Tags:

1. Você precisa ser cadastrado para enviar o seu comentário. Se ainda não fez o seu cadastro, por favor, clique aqui. Um e-mail será enviado para a sua caixa postal, fornecendo sua senha.

Esqueceu sua senha?

Preencha o campo abaixo com o mesmo endereço de e-mail que você usou para fazer o seu cadastro e enviaremos uma nova senha para a sua caixa postal:

nenhum comentário

    JOSÉ ADENIR PANHO ADV. - PANHO CORRETORA DE SEGUROS LTDA

    Você precisa estar logado para ler o comentário.