Como o preço do seguro do carro muda para homens e mulheres

22/07/2014 / FONTE: Exame


Uma jovem de 20 anos pode pagar até 69% a mais no valor do seguro do carro do que uma mulher de 60 anos. Para homens na mesma faixa etária, a diferença chega a 117%, segundo levantamento da Minuto Seguros, feito a pedido de EXAME.com.

A faixa dos 20 anos é a que congrega as maiores diferenças de preços cobradas pelas seguradoras. Em alguns casos, os valores pagos por homens e mulheres podem ter uma variação de até R$ 1.000.

No entanto, para alguns modelos de veículos, o cenário se inverte quando os motoristas chegam à casa dos 40 anos. Este é o caso do Volkswagen Novo Gol. Em média, segundo o levantamento, uma mulher pode pagar cerca de 13% mais caro no seguro do que um homem da mesma idade.

A Minuto Seguros cotou os valores praticados por 13 seguradoras para o seguro dos 10 carros mais vendidos no primeiro semestre de 2014, segundo dados da Fenabrave.

Seis perfis foram usados na simulação. Em comum, todos eram moradores da cidade de São Paulo, principais condutores do veículo em questão, tinham curso superior, rodavam 12 mil quilômetros por mês e possuíam garagem com portão automático na residência, entre outros fatores.

A diferença estava na faixa etária, gênero e estado civil. Eram um homem e mulher de 20 anos solteiros; um homem e uma mulher de 45 anos casados; além de um homem e uma mulher de 60 anos casados.

Azul, Allianz, Bradesco,Chubb,Hdi,Itaú,Liberty, Marítima, Mitsui,Porto Seguro, Tokio, Yasuda e Zurich são as seguradoras que participaram da simulação.

volks

 

palio

ddd

ford

fiat

hy

fiaat

aa

aaa

aaaaa

Notícias relacionadas


1. Você precisa ser cadastrado para enviar o seu comentário. Se ainda não fez o seu cadastro, por favor, clique aqui. Um e-mail será enviado para a sua caixa postal, fornecendo sua senha.

Esqueceu sua senha?

Preencha o campo abaixo com o mesmo endereço de e-mail que você usou para fazer o seu cadastro e enviaremos uma nova senha para a sua caixa postal: