Só seremos universais se conhecermos e amarmos nossa aldeia. Liev Tolstói