Ramos Quase Desconhecidos, Especializados e com Grande Potencial

31/10/2016 / FONTE: Sergio Ricardo de M Souza


Por Sergio Ricardo de M Souza, MBA, M.Sc.

A severa crise por que passamos dá os primeiros sinais de esmorecimento o que significa que 2017 deverá ser um ano melhor para todos, sobretudo porque há muito dinheiro e investidores aguardando que o Brasil esteja novamente nos trilhos.

Em momentos de crise há os que se desesperam e os que enxergam oportunidades. Não foi (e não é) diferente no mercado de seguros.

Se por um lado, os que comercializam seguros massificados de automóveis, patrimoniais, saúde, etc. viram as margens caírem e até os clientes sumirem, houve segmentos que resolveram não participar da crise.

Muitos já comentaram sobre os seguros de pessoas, que mesmo em crise cresceram além da inflação, mas poucos chegaram a identificar o que ocorreu com alguns ramos especiais, como é o caso dos seguros de garantia, fiança e crédito, que ocuparam posição de destaque no primeiro semestre de 2016, produzindo crescimento também expressivo.

Este segmento terá especial importância em 2017, justamente porque há uma série de discussões que podem ser altamente interessantes para as seguradoras e corretores que nele atuam, como por exemplo, a alteração da Lei de Licitações que hoje prevê a necessidade de apenas 10% de garantia para obras públicas, o que deve ser reformado e ampliado, fazendo com que os prêmios cresçam rapidamente, assim como as várias modalidades de garantia (setor público) como o Performance Bond e várias outras, além dos seguros de Riscos de Engenharia e Responsabilidade Civil.

Um outro movimento interessante é a redução dos preços dos aluguéis e a grande massa de imóveis disponíveis para locação por conta da recessão. A retomada da atividade econômica exigirá fianças locatícias, para que os empreendedores possam abrir seus negócios, lembrando que há muita gente que foi desligado de empresas que já está estudando investir em franquias ou mesmo abrir negócios por conta própria.

Da mesma forma os seguros de crédito concebidos para proteção das vendas a prazo de produtos ou prestação de serviços entre empresas, que muito pouca gente conhece, deve tomar um novo alento, por conta da experiência de muitas empresas com a crise.

Para atuar com seguros um pouco mais complexos é necessário se especializar no assunto, estudar, frequentar palestras, treinamentos e eventos promovidos pelas seguradoras, além de acompanhar as alterações nas legislações vigentes e as circulares da SUSEP.

Por exemplo, vale a pena acessar e ler a nova Circular 540 da SUSEP que alterou o seguro de Riscos de Engenharia que passa a ter uma única cobertura básica e os gastos para remoção de entulho passam a ter limites, desde que não seja menor do que 5% do valor da apólice. Pelas normas anteriores, os custos com a retirada de entulho podiam consumir uma parte significativa do limite máximo da apólice, comprometendo a verba das coberturas principais. A Circular manteve a possibilidade de cobertura adicional para cobrir gastos com remoção de entulho.

Fica a dica.

Sergio Ricardo de Magalhães Souza Executivo dos Mercado de Seguros com mais de 20 anos de experiência. Mestre em Sistemas de Gestão – UFF/MSG, MBA em Sistemas de Gestão – GQT – UFF. Engenheiro Mecânico – UGF. Membro da ANSP – Academia Nacional de Seguros e Previdência e Diretor do CVG – Clube Vida em Grupo RJ. Fundador do Grupo Seguros – Linkedin. Associado da ABGP, PMI, PRMIA, IARCP. Colunista da Revista Venda Mais e do Portal CQCS. Foi Coordenador de Pós-Graduação e Professor dos programas de Pós-Graduação do IBMEC, UFF, ESNS, FGV, FUNCEFET, IPETEC UCP, UVA, CEPERJ, ECEMAR, ESTÁCIO DE SÁ, TREVISAN, IBP, CBV. Sócio-Diretor da Gravitas AP – Consultoria e Treinamento, especializada gerenciamento de riscos, seguros e resseguro. e-mail: sricardo@gravitas-ap.com

Notícias relacionadas


1. Você precisa ser cadastrado para enviar o seu comentário. Se ainda não fez o seu cadastro, por favor, clique aqui. Um e-mail será enviado para a sua caixa postal, fornecendo sua senha.

Esqueceu sua senha?

Preencha o campo abaixo com o mesmo endereço de e-mail que você usou para fazer o seu cadastro e enviaremos uma nova senha para a sua caixa postal: