Sergio Ricardo

Executivo dos Mercado de Seguros com mais de 20 anos de experiência. Mestre em Sistemas de Gestão – UFF/MSG, MBA em Sistemas de Gestão – GQT – UFF. Engenheiro Mecânico – UGF. Foi superintendente técnico e comercial na SulAmérica Seguros. Foi membro da ANSP – Academia Nacional de Seguros e Previdência e foi Diretor do CVG – Clube Vida em Grupo RJ. Fundador do Grupo Seguros – Linkedin. Associado da ABGP, PRMIA, IARCP. Colunista da Revista Venda Mais e do Portal CQCS. Coordenador de Pós-Graduação e Professor dos programas de Pós-Graduação do IBMEC, UFF, IPETEC UCP, ENS, FGV, FUNCEFET, UVA, CEPERJ, ECEMAR, ESTÁCIO DE SÁ, TREVISAN, IBP, CBV. É, atualmente, coordenador acadêmico de vários cursos de pós-graduação, como o MBA Saúde Suplementar http://www.ipetec.com.br/mba-em-saude-suplementar-ead/, do MBA Gestão de Negócios de Seguros http://www.ipetec.com.br/mba-em-negocios-de-seguros-ead/ e do MBA Governança, Riscos Controles e Compliance na UCP. Sócio-Diretor da Gravitas AP – Consultoria e Treinamento, especializada em gerenciamento de riscos, seguros, saúde suplementar e resseguro. www.gravitas-ap.com([email protected]).

Saber Sabendo - Ensinando e Aprendendo | 3 de dezembro de 2020

O que o final de ano tem a ver com vendas no mercado de seguros?

Por Sergio Ricardo

Muitas empresas encerram o seu exercício em 31/12 o que significa dizer que elas preferem contratar seguros justamente na segunda metade de dezembro, para iniciar o pagamento das respectivas parcelas a partir de janeiro do novo ano.

É também no final do ano que as pessoas mais compram veículos e equipamentos portáteis, como notebooks e smartphones, para os quais já há cultura de contratação de seguros, sem esquecer das bikes, que têm seguro para roubo, acidentes e danos a terceiros.

Em dezembro se fazem muitos aportes em previdência privada e já há pessoas que contratam planos para seus filhos, netos e sobrinhos, fazendo o “aporte de natal” todos os anos.

Que tal fazer de seguros residenciais com serviços maravilhosos, um presente de Natal para familiares e amigos? Alguma vez vocês já fizeram ações neste sentido com os seus clientes?

Muitos chefes de família também escolhem dezembro para garantir que os seus entes queridos estejam protegidos pela contratação de seguros de vida, no caso de falta do titular.

A má notícia é que o mês é curto e os seus clientes precisam ser abordados imediatamente, porque depois do dia 20 ninguém mais estará pensando em 2020.

Sebo nas canelas!

FAÇA UM COMENTÁRIO

Esta é uma área exclusiva para membros da comunidade

Faça login para interagir ou crie agora sua conta e faça parte.

FAÇA PARTE AGORA FAZER LOGIN